Please select your country / region

Close Window
GT
Comunidade GT SPORT
PT
Relatório de Evento

O AAR Eagle Indy Car, o histórico carro de Fórmula conduzido por Dan Gurney, venceu o Troféu Gran Turismo 2018

O 68º Pebble Beach Concours d’Elegance decorreu a 26 de agosto (hora local) em Pebble Beach, Monterey, na Califórnia. O produtor da série Gran Turismo, Kazunori Yamauchi, marcou presença no evento e atribuiu o Troféu Gran Turismo ao AAR Eagle Indy Car (1966).

Trata-se de uma máquina de Fórmula construída pela AAR (All American Racers), a construtora de carros de competição fundada pelo piloto americano Dan Gurney, que competiu em categorias como a F1, o Indy car, a NASCAR e as 24 Horas de Le Mans. Foram produzidos 10 carros em 1966 para participação nas provas de F1 e Indy Car, que na altura apresentavam regulamentos semelhantes. Este carro #31 terá sido aquele que o próprio Dan Gurney pilotou na prova das 500 Milhas Indy. O carro é alimentado por um V8 Coventry Climax que produz 430 cv e por uma transmissão de quatro velocidades. A abertura do nariz traz à memória o bico de uma águia, a ave que inspirou o nome do carro.

Eis os restantes nomeados para o Troféu Gran Turismo:

Cadillac 425A Pininfarina (1931)

Apesar dos carros virados para os consumidores se terem tornado um êxito nos loucos anos 1920, em grande parte devido ao sucesso do Ford Model T, a verdade é que foram também produzidos muitos carros de classe alta dirigidos aos mais abastados. Os carros mais produzidos da época eram os Cadillacs da GM: o modelo de 1931 foi disponibilizado com motores de 12 ou 16 cilindros e, apesar da maior parte ter sido fabricada com uma robusta carroçaria Fleetwood, este carro é uma rara exceção e apresenta uma carroçaria Pininfarina. A traseira de estilo europeu cria um estilo dinâmico.

Ferrari 250TR (1958)

Este carro foi criado pela Ferrari para participar no FIA Sportscar Championship, uma competição para carros com motores de três litros de 1958. "TR" é uma abreviatura da palavra italiana "Testarossa", que se pode traduzir como "Ruiva", em referência às cabeças vermelhas dos cilindros. Foram construídos 34 Testarossas no total, e este carro é um dos 19 modelos comerciais. Foi finalizado em junho de 1958 e entregue a Dick Morgenson, tendo um longo historial de competição em Riverside, na Califórnia.

OSCA MT-4 Prototype (1952)

A OSCA (Officina Specializzata Costruzione Automobili) é uma empresa fundada pelos irmãos Maserati, que conquistaram fama nos desportos motorizados após abandonarem a empresa com o seu nome. A OSCA era especialista na criação de carros desportivos leves e simples, carros esses que alcançaram excelentes resultados em provas como a Mille Miglia, a Targa Florio e as 12 Horas de Sebring, nos EUA. Este carro marca presença constante no Concours d’Elegance, mas também competiu no Grande Prémio de Pebble Beach original que atravessava a floresta em 1953, 1954 e 1955.

Tucker 48 (1948)

Um carro único concetualizado e fabricado pelo empresário e engenheiro Preston Tucker. Era alimentado por um motor de 5,5 litros com seis cilindros em linha montado na traseira, algo raro em carros americanos, e apresentava precauções extra relativamente à segurança. O design era de Alex Tremulis, que também trabalhou na Cord Automobile e na Duesenberg, e apresenta várias características à frente do seu tempo incluindo os faróis triplos e as portas que envolviam o tejadilho. Em 1988 foi criado um filme em torno do sonho que Tucker tinha em relação aos automóveis e este carro, propriedade do realizador Francis Ford Coppola, é precisamente o mesmo que surgiu nessa película.

O AAR Eagle Indy Car que venceu o Troféu Gran Turismo deverá ser incluído numa futura edição do Gran Turismo. O prémio "Best of Show" de 2018 foi atribuído ao Alfa Romeo 8C 2900B Touring Berlinetta de 1937.

(Descrição do carro com o apoio de Hideo Kodama)