Please select your country / region

Close Window
GT
Comunidade GT SPORT
PT
Relatório de Evento

100º Aniversário do Pikes Peak International Hill Climb: Kazunori Yamauchi conduz o novo carro de segurança NSX!

A corrida até às nuvens! No dia 26 de junho, em Pikes Peak, no Colorado, EUA, teve lugar a final do 94º Pikes Peak International Hill Climb 2016 (PPIHC) com Kazunori Yamauchi, produtor da série Gran Turismo, a liderar a corrida como piloto de um carro de segurança. Aqui estão algumas imagens deste evento espetacular.

O primeiro Pikes Peak International Hill Climb decorreu em 1916, o que significa que este ano se festeja o seu centésimo aniversário. A foto em cima é o ponto de entrada para a área do paddock e a linha de partida fica 500 metros mais à frente.

A cabina de portagem do cume de Pikes Peak. A pista começa após esta cabina.
Os picos recortados da montanha são visíveis da linha de partida.
7:40 da manhã do dia da prova. Os carros de segurança que iniciam a corrida final partem. O NSX na liderança é conduzido por Kazunori Yamauchi, enquanto que o Acura MDX e o TLX logo atrás são conduzidos por Randy Schranz e Leonard Vahsholtz, duas lendas de Pikes Peak.
Kazunori Yamauchi a entrar no NSX.
A bandeira verde agita-se e os carros de segurança arrancam. Isto marca o início da final da corrida.
Apesar de ser um dia de sol, as condições do traçado estavam longe de ser perfeitas, visto que a chuva do dia anterior tinha tornado a estrada poeirenta e formado poças junto ao cume. Contudo, Yamauchi pegou no novo NSX equipado com a mais recente tecnologia, como o SH-AWD e completou a prova de 19,9 km até uma elevação de 4301 m.
Entretanto, 3 novos NSX participaram no evento de corrida. Um destes carros era um protótipo onde as 4 rodas eram controladas por 4 motores independentes e com o piloto japonês Tetsuya Yamano ao volante, o carro conseguiu completar a corrida na 3ª posição da geral. Quanto aos outros dois, um deles também venceu na classe Time Attack 2.
Apesar da prova ser uma subida de montanha em contrarrelógio tradicional, a corrida é difícil para os pilotos já que as áreas onde podem conduzir durante os treinos e a qualificação são limitadas e apenas podem correr no circuito completo durante a corrida final. Nos paddocks existe uma atmosfera muito acolhedora e reconfortante, e podemos ver os participantes e os organizadores a falarem entre si como amigos.
Em Pikes Peak, os carros não são os únicos participantes. Existem motas, sidecars e até buggies de 4 rodas.
Este Toyota Celica com patrocínio da Pennzoil é um carro lendário que participou em 1994 e atingiu um recorde que permaneceu intacto durante 13 anos.
Este é o EV de “Monster” Tajima, o piloto japonês que acumulou 10 vitórias nos eventos de subida de montanha em Pikes Peak. Este ano, Tajima tornou-se o primeiro piloto japonês da história a entrar no Corredor da Fama de Pikes Peak. Parabéns!
E a vitória geral deste ano foi para Romain Dumas (8 minutos e 51.445 segundos), que cumpriu o desafio num carro modificado alimentado por um motor de 3,5 litros com turbo duplo retirado de uma máquina de LMP2. Dumas saiu diretamente do pódio da corrida de 24 Horas de Le Mans no fim de semana anterior para o pódio desta corrida histórica.